domingo, 8 de agosto de 2010

Encontro das Carreteras - Passo Fundo - Setembro 2007 (03)

Segue primeira parte do texto que escrevi sobre o Encontro das Carreteras em 2007 e mais algumas fotos do evento.

AS CARRETERAS SÃO ETERNAS

Sexta-feira, 31 de agosto, 10:00 horas da manhã, véspera do grande evento das Carreteras na cidade de Passo Fundo, tempo nublado, possibilidade de chuva no Rio Grande do Sul, envio e-mail para os organizadores Paulo Trevisan e Eugênio Tramontini, perguntando se em caso de chuva seria realizado o evento. Pouco tempo depois recebo e-mail de Paulo Trevisan com a resposta, como fosse a de um autêntico piloto de Carretera: “É claro que sai com chuva ou sem chuva! Nós não somos frouxos!”.

Esse era o espírito dos pilotos de Carretera, os quais não temiam as dificuldades das corridas de estradas no interior do RS, nem o desafio de competir em provas no Uruguai e Argentina, contra os grandes pilotos desses países, ou de irem até São Paulo competir nas 1000 Milhas, onde foram muitas vezes vencedores, contra carros mais leves e avançados tecnologicamente.

Equipamentos de segurança para os pilotos eram inexistentes. Bancos, cintos de segurança, capacetes especiais para competição, “Santo-Antônio” e outros equipamentos de segurança não faziam parte desses veículos com motores V8 envenenados com kits de performance importados dos EUA.

Junte a tudo isso o sentimento de tristeza pela perda do tri-campeão das Mil Milhas, Breno Fornari, que faleceu na madrugada de sexta-feira, um dia antes da realização do evento. A lendária escuderia Galgos Brancos, da família Andreatta participou do evento, de luto, prestando justa homenagem ao integrante de sua equipe, lembrando que Breno Fornari formava dupla com Catharino Andreatta. (continua em outro post)


Nenhum comentário:

Postar um comentário